2018: Foi um ano de conquistas para a população do município de Tucumã

via aérea do município de Tucumã, no sul do Pará.

O ano de 2018 foi de conquistas para o município de Tucumã, no sul do Pará. O prefeito Adelar Pelegrin, explica que o ano foi de dificuldades devido a crise financeira que assola o País mas muito foi conquistado devido a capacidade de gestão de sua equipe. Somente na agricultura, mais de 130 projetos foram liberados pela Prefeitura Municipal. Mais 4 milhões de reais fundos perdidos foram recuperados pela gestão para ser trabalhado na área do meio ambiente e agricultura familiar.

Várias vias e vicinais foram recuperadas. Foto: Roney Wydiamaior

Educação – Foi comprado um ônibus para o transporte escolar e outros veículos. Lago das Rosas irá ganhar uma escola nova que está em fase de projeto

Saúde- A prefeitura também adquiriu várias ambulâncias e muitos equipamentos e outras obras obras estão sendo inauguradas para trazer melhor condição de vida à população.

Além de todas as conquistas, a Prefeitura de Tucumá, ainda recebeu o prêmio Prefeito Empreendedor neste ano. Foto: Roney Wydiamaior

 

Transporte – Várias vias e vicinais foram recuperadas.

” A nossa maior expectativa é com os novos governos que irão assumir tanto em nível federal com Jair Bolsonaro e no estadual com Helder Barbalho que é amigo do prefeito e amigo de Tucumã”, ressaltou o prefeito.

Além de todas as conquistas, a Prefeitura de Tucumá, conquistou ainda o prêmio Prefeito Empreendedor neste ano. Somente Tucumã e mais dois municípios da região de Carajás conquistaram o título.


Para 2019 as expectativas são as melhores, com a entrega de mais de 800 casas do “Minha Casa Minha Vida”e a inauguração da PA 279.

O prefeito Adelar Pelegrin, explica que o ano foi de dificuldades devido a crise financeira que assola o País mas muito foi conquistado devido a capacidade de gestão de sua equipe. foto Gabriel Alves

 

Equipamentos e veículos foram adquiridos para a saúde. Foto: Eder Rabelo

Da Redação Fato Regional

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar