Ana Hickmann revela que está processando hotel onde foi atacada por fã

A modelo e apresentadora sofreu ataque ao lado do cunhado, Gustavo Corrêa, e da sua então esposa Giovana Oliveira.
Crédito: Reprodução/Instagram @anahickmann

Durante sua participação no link podcast, a apresentadora Ana Hickmann relembrou de detalhes do atentado que sofreu em 2016, dentro de um quarto de hotel em Belo Horizonte e revelou que está processando o hotel em que tudo aconteceu e abriu o coração ao relembrar detalhes do ataque que sofreu ao lado do cunhado, Gustavo Corrêa, e da sua então esposa Giovana Oliveira.

“Existem três processos que correm em segredo de justiça contra o hotel, que foi negligente em muitas coisas”, afirma ela ao “Link podcast”, comandado por Celso Zucatelli, completando: “Ele rendeu o Gustavo pouco antes de entrar no nosso quarto, invadiu, fez roleta russa com a gente. Foi uma coisa horrorosa. Foram 20 e poucos minutos de tortura psicológica. Era uma pessoa doente e que precisava de uma ajuda e ninguém percebeu. Se alguém um dia eu falasse para mim que isso ia acontecer não ia acreditar”.


Em seguida, a apresentadora relatou os momentos difíceis que viveu ao lidar com as questões judiciais que surgiram após o atentado: “Foi algo que doía na gente. Nós fomos vítimas, aquilo que aconteceu foi para poder salvar nossa vida, mas mesmo assim fomos colocados no banco de réu. Porque quando o Gustavo sentou lá, ele não sentou sozinho, eu e a Giovana estávamos junto com ele, ali naquele momento, a família toda, e aquilo não era justo. Mas, graças a Deus, vencemos e provamos isso, deixamos bem claro o que aconteceu que foi defesa”.

 

 

 

 

 

Fonte: Jornal Extra

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
%d blogueiros gostam disto: