Após estreia na Recopa, Vitinho surge como opção para Jorge Jesus em final

Contra o Independiente Del Valle, no Equador, camisa 11 foi acionado pelo Mister pela primeira vez em 2020, e o desempenho do atacante na Recopa Sul-Americana foi elogiado

Entre os reservas mais acionados por Jorge Jesus na última temporada, Vitinho viu a concorrência aumentar no elenco com as chegadas dos atacantes Pedro Rocha, Michael e Pedro e, nos primeiros jogos de 2020, o camisa 11 acabou sendo preterido. Apenas no quinto jogo oficial do Flamengo, pela Recopa Sul-Americana, o treinador o colocou em campo, e o atacante aproveitou bem os minutos em campo diante do Independiente Del Valle, em Quito, no Equador.

Vitinho entrou no lugar do meia Diego – a surpresa entre os titulares no lugar de Gabigol, suspenso. O camisa 11 aumentou a produção ofensiva da equipe com bons lances individuais pelo lado esquerdo. No retorno ao Rio de Janeiro, o atacante falou sobre os seus objetivos em 2020 e projetou a temporada.

– Venho trabalhando para ajudar a equipe ofensivamente, fazer boas jogadas e marcar gol também. Então, trabalho todos os dias para entrar bem e consiga o resultado – disse Vitinho, sétimo atleta com mais jogos pelo Flamengo em 2019.

Neste sábado, o Flamengo enfrenta o Boavista na decisão da Taça Guanabara. Vindo de uma longa sequência de jogos, é possível que Jorge Jesus realize mudanças na equipe. Além disso, a lesão de Bruno Henrique (ligamento medial do joelho direito) pode acabar abrindo espaço para Vitinho receber a primeira chance desde o início. Há outras opções à disposição de Jorge Jesus no elenco.


Nesta sexta-feira, às 9h, o elenco volta a treinar no Ninho do Urubu e o Mister poderá definir a equipe para o duelo com o Boavista. Para a decisão, no Maracanã, mais de 40 mil ingressos já foram vendidos de forma antecipada.

 

Fonte: LANCE!

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
%d blogueiros gostam disto: