Em Marabá, jovem compra notas falsas pela Internet e vai preso

As cédulas falsas e os celulares envolvidos na transação foram apreendidos/ Foto: Josseli Carvalho

No final da tarde de ontem (25) um jovem de Marabá foi preso ao comprar determinada quantia de cédulas falsas de R$ 100 pela Internet. Responsável pela prisão, a Polícia Federal não divulgou a identificação do preso. O que se sabe é que a PF monitorou a transação e fez a prisão em flagrante quanto ele recebeu o dinheiro pelos Correios.

Como o flagrante estava sendo lavrado ontem à noite, não foi possível colher mais informações, tampouco entrevistar o delegado responsável pelo caso. Além disso, os familiares do suspeito, que estavam na delegacia, também não quiseram gravar entrevista.

Parece brincadeira, mas não é: comprar cédulas falsas pelas redes sociais é algo muito normal, embora seja crime. Na página de Facebook “Bazar Marabá”, por exemplo, há quem ofereça o “produto”, inclusive postando foto das notas para atrair o interessado.

Em um dos anúncios, uma pessoa que se identifica como “Felipe Souza” faz o seguinte anúncio: “Promoção cédulas falsas 100 Reais envio 2mil atendimento WhatysApp 33998245089”.


A Federal vem monitorando essas páginas e, vez por outra, consegue dar um flagrante nos espertinhos que adquirem as cédulas para derramar no comércio local.

 

Fonte: Correio de Carajás

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
%d blogueiros gostam disto: