FALSO: não há abono emergencial de Natal de R$ 800

Mensagem é perigosa, pois tem link para inserir dados que podem ser furtados por pessoas mal intencionadas
Mensagem falsa sobre o abono emergencial de Natal, que não passa de golpe. (Reprodução / Redes Sociais)

Não existe abono emergencial de Natal, no valor de R$ 800, concedido pelo Governo Federal. A informação que circula pelas redes sociais é falsa e nenhum link que acompanhe essa mensagem deve ser acessado. É perigoso e o próprio Governo Federal afirma que é golpe.

Na mensagem, supostamente, beneficiários de programas sociais federais poderiam se cadastrar para receber esse novo benefício. Já nem faz sentido, já que o Governo Federal, sob o comando do presidente Jair Bolsonaro, está lentamente reduzindo os auxílios em tempo de pandemia de covid-19.

“A informação é falsa. Tanto na Lei nº 13.982/2020, que instituiu o auxílio emergencial de R$ 600, quando na Medida Provisória nº 1.000/2020, que atribuiu o valor de R$ 300 ao auxílio emergencial, não há qualquer menção a abonos de Natal”, informa o Ministério da Cidadania, em nota.

Todas as pessoas devem sempre desconfiar de benefícios públicos que não são amplamente anunciados em meios de comunicação formais. Informações que circulam apenas em redes sociais devem ser analisadas com cuidado. E também devem desconfiar de facilidades muito acessíveis, como apenas se cadastrar para ganhar algo. Quase sempre é golpe.

Nunca se deve acessar links para cadastro de informações sem a confirmação da veracidade. Dados podem ser furtados, como no caso dessa mensagem do abono de natal, e os prejuízos ao cidadão são incalculáveis.


Se tiver dúvidas sobre informações possivelmente falsas, encaminhe para o e-mail fatoregionalpa@gmail.com que a Redação do Fato Regional fará a checagem e trará informações completas, caso seja verdade ou fake news.

(Victor Furtado, da Redação Fato Regional)

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar