Governo do Pará e setor produtivo debatem medidas para fortalecer agronegócio

A 57ª edição do Encontro Ruralista contou com participação do governador Helder Barbalho em evento que reuniu técnicos, especialistas e lideranças
Foto: Marco Santos / Ag.Pará

O governador Helder Barbalho participou, no início da noite desta quarta-feira (01), da 57° edição do Encontro Ruralista “Agro mais perto”. Promovido pelo Sistema Faepa/ Senar/ Fundepec/ Sindicatos, o evento foi realizado em Belém. Na oportunidade, foram debatidas medidas de qualificação e ampliação da produção agropecuária paraense, além de políticas públicas voltadas à segurança pública rural.

Na oportunidade, o governador ressaltou a importância do diálogo e debate técnico entre o Poder Executivo Estadual e o setor produtivo. “Esse é um momento de diálogo e busca, através da Federação de Agricultura do nosso Estado, fortalecer o agronegócio”, disse.

Foto: Marco Santos / Ag.Pará

“Esse envolvimento do Governo no evento deixa claro nossa política de Estado. Temos compreensão que o Estado entende o protagonismo da atividade rural para desenvolvimento do Pará. Temos dois pilares em nossas vocações que são o minério e o agronegócio. Devemos diversificar sim, mas sem esquecer de valorizar nossas vocações”, ponderou Helder Barbalho.

O governador também afirmou ao setor produtivo a necessidade da mudança de cultura na produção agrícola no Estado. Helder Barbalho ponderou a importância de produzir mais nas áreas já existentes e avaliou que a monetização pela manutenção da floresta em pé está próximo de acontecer. “Tendência mundial que identificamos em Davos”, disse.

Foto: Marco Santos / Ag.Pará

Barbalho também falou sobre a necessidade da rastreabilidade da produção que permite ao cliente final saber a origem do produto que consome. “Não podemos abrir mão da rastreabilidade. Se isso acontecer, podemos sofrer embargos internacionais. Precisamos do mercado nacional e internacional para vender nossos produtos. Vivemos em um mundo globalizado e a rastreabilidade é necessária ”, ponderou.

Segurança rural 

O governador Helder Barbalho também apresentou ao setor produtivo proposta do Governo do Pará no desenvolvimento dos batalhões rurais da Polícia Militar para ampliar a presença e atuação da instituição nas regiões rurais.

Foto: Marco Santos / Ag.Pará

“Estamos aprimorando-nos serviços de segurança pública em relação as peculiaridades de cada região. Levando segurança para as áreas urbanas, mas também para as áreas rurais e, desta forma, estamos criando o Batalhão Rural para que com os produtores, proprietários e a agricultura familiar possamos garantir o direito à terra, segurança jurídica e a paz no campo”, adiantou.

Durante o Encontro, também foram debatidas as oportunidades nas cadeias produtivas da pecuária, cacau, mandioca, pimenta-do-reino, açaí, soja e citrus.


De acordo com a Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará), a presença do governo no evento é importante para o agronegócio, demonstra a disponibilidade da gestão estadual em empreender apoio institucional ao segmento no Pará.

 

 

 

 

 

 

Com informações da Agência Brasil

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar