Gretchen cita agressões do ex-marido e se emociona: ‘Ele era um sociopata’

Em entrevista ao programa Chupim, da rádio Metropolitana FM, a dançarina alertou os ouvintes: “Eu ajudo muitas mulheres com esse assunto.
Foto: Divulgação.

A cantora Gretchen abriu o coração nesta última quinta-feira, 12, ao comentar publicamente sobre as agressões que sofria de seu ex-marido. Aos 62 anos, ela confessou que tem usado sua história de vida para ajudar outras mulheres que também são vítimas de violência doméstica.

Em entrevista ao programa Chupim, da rádio Metropolitana FM, a dançarina alertou os ouvintes: “Eu ajudo muitas mulheres com esse assunto. Violência doméstica não acontece só em lugares pobres, nos lugares simples. A violência doméstica acontece em qualquer lugar, com artista, gente rica. Todos os lugares e, hoje em dia, acontece mesmo”

Sem citar nomes, ela relembrou algumas das agressões que sofria do ex-companheiro e se emocionou: “Não é que era machista, na verdade, ele era sociopata. Tinha que ser do jeito que ele queria, com a roupa que ele queria, não podia sair de casa de jeito nenhum. Quando ia para a faculdade, eu tinha uma escolta que me levava e buscava. Era desse jeito. […] Isso é uma doença. Depois que eu apanhava, ele ajoelhava, pedia desculpas e até dizia que iria morrer’. Eu pensava: ‘Então morre, por favor’”, admitiu.


Vale lembrar que atualmente Gretchen está casada com o músico Esdras de Souza.

 

 

 

 

 

Com informações do RomaNews

Compartilhar essa matéria

Veja também

Pesquisa Ipespe: Lula tem 45%; Bolsonaro, 34%; Ciro, 8%

Levantamento sobre a eleição presidencial ouviu por telefone 1.000 eleitores e tem margem de erro de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos. Pesquisa inclui ex-governador João Doria (PSDB), que desistiu da disputa

fechar
%d blogueiros gostam disto: