Integrantes de facção criminosa são presos com drogas e arma no sudeste do Pará

Foto: Divulgação

Foram presos no início desta semana, Luan Vital Moura da Silva e Vinícius Santos dos Santos, ambos integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), acusados de tráfico de drogas e posse de ilegal de arma de fogo no município de Parauapebas, sudeste paraense.

A dupla foi abordada pelo Grupo Tático Operacional (GTO) da Polícia Militar, na Rua 90, no bairro Jardim Canadá, após denúncias de que estariam traficando entorpecentes no local e, que utilizavam um Volkswagen Gol vermelho para distribuí-la.

A equipe foi até o endereço informado e identificou o carro em frente a casa, junto com Luan e Vinícius. Na abordagem, os policiais encontraram 22 gramas de crack com Luan, e 8 gramas do mesmo entorpecente com Vinícius.

Os suspeitos assumiram aos militares que estavam traficando e afirmaram possuir uma arma de fogo revólver calibre 32 e mais entorpecentes no interior da residência.


No imóvel os policiais encontraram 110 gramas de cocaína e 130 gramas de crack, além de uma balança de precisão e a arma com 12 munições intactas.

Os objetos e a dupla foram encaminhados à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil. Lá, em uma revista mais minuciosa, os policiais identificaram na carteira de Luan um papel com anotações relacionadas a possíveis clientes do tráfico de drogas.

Com informações do Debate de Carajás
Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar