Léo Magalhães abre o Veraneio em São Félix do Xingu

O cantor nacional Léo Magalhães abre o Veraneio de São Félix do Xingu, na praia do Pedral, na noite desta sexta-feira (15). O evento é uma realização da Prefeitura Municipal de São Félix do Xingu, através da Secretaria Municipal de Turismo (SEMTUR), na gestão do prefeito João Cleber.

A programação começa hoje (15) e vai até o dia 31 de julho  e reúne grandes atrações como Léo Magalhães, Zheel Chicleteiro, Meninos do Baile e Natal Lima, Márcio Deluk, Pedro Valoura, Lya Silva e Márcio Lacerda, Thiago Paredão, André Felipe, Aviões da Pizadinha, Garotos do Piseiro e Profeta.

Grande show de abertura – Léo Magalhaes tem uma longa carreira no mercado nacional. Em 2003 gravou os hits: “Camas Separadas”, “Amor Rebelde”, “Cara Metade” e “Só da Ela no Meu Coração”. Canções responsáveis pela marca de 150.000 cópias vendidas, rendendo a Léo o seu merecido espaço na mídia nacional.

Em seu segundo Lançando CD com o título “Em Ritmo de Arrocha”, uma tiragem inicial de 100.000 cópias foi vendida antes mesmo de chegar às lojas.

Um novo fenômeno da música brasileira ia se moldando, e logo o terceiro CD da carreira chegava aos fãs e consagrando vários sucessos em todo Brasil, como: “Segura essa Onda”, “Tranque a Porta e Me Beija” e “Alma Minha”. Mais uma vez Léo é recordista absoluto em execuções de rádios em todo o Brasil.

Em seus quartos e quintos CDs, Léo Magalhães se consolida de uma vez por todas em todo o país, com seus sucessos  “Mensagem Pra Ela”, “Fui Homem Demais”, “A Carta”, “Guarda Chuva”, “Amor de Novela”, “Inventando Paixão”, “Não Tenha Dó de Mim”, “Presente de Deus” e “Locutor”.

Nesta noite, o cantor apresenta um repertório que é sua cara romântico e verdadeiro onde ele relembra grandes sucessos que o fez conhecido nacionalmente e apresenta suas novas canções que fizeram o público se apaixonar ainda mais.

Assista ao vídeo: Léo Magalhães convida para a abertura do Veraneio em São Félix do Xingu


Da Redação do Fato Regional

Fotos: Divulgação

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar