Medo que mulher visse traição, faz homem quebrar câmeras de segurança em Parauapebas

Fernando Augusto Santos Fonseca, 38 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Militar
Crédito: Reprodução/Pebinha de Açúcar

Um homem acusado de danificar uma câmera de videomonitoramento do Centro de Controle Operacional (CCO) instalada num poste na praça do Bairro Vila Nova, em Parauapebas, sudeste paraense, foi preso em flagrante pela Polícia Militar na madrugada da última segunda-feira, 5.

Fernando Augusto Santos Fonseca, 38 anos, teria praticado o vandalismo com objetivo de esconder uma traição. À reportagem do jornal Pebinha de Açúcar, ele contou que mesmo sendo casado, mantinha um relacionamento extraconjugal com uma mulher do bairro.

De acordo com a polícia, o equipamento danificado é de propriedade da Prefeitura de Parauapebas e utilizado no videomonitoramento da cidade, que possui contrato de manutenção do sistema em mais de R$ 6,2 milhões.


A guarnição que prendeu o acusado e o levou para a Polícia Civil, para serem tomadas as medidas cabíveis contra o indiciado.

 

Com informações do Pebinha de Açúcar

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: