Ministério divulga indicados para Conselho de Administração

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O Ministério de Minas e Energia divulgou hoje (9) a lista dos novos nomes para o Conselho de Administração da Petrobras. Entre os indicados, está Caio Mário Paes de Andrade, ex-secretário especial do Ministério da Economia anunciado como futuro presidente da estatal.

As indicações serão votadas pela assembleia de acionistas da Petrobras, onde o governo tem maioria. Dos 11 membros do Conselho de Administração, oito são indicados pelo governo e três são eleitos, respectivamente, por acionistas minoritários, empregados da estatal e donos de ações preferenciais (que dão preferência na distribuição de dividendos).

A votação dos novos integrantes do Conselho de Administração deverá ocorrer em até 30 dias após a convocação. Em comunicado de 25 de maio, a Petrobras detalhou o processo de troca de comando. Um comitê da Petrobras avaliará se os nomes indicados para o conselho cumprem os requisitos legais e não têm vedações como conflitos de interesses.


Em seguida, o atual Conselho de Administração se reunirá para convocar a Assembleia Geral Extraordinária, em que discutirão a destituição de José Mauro Coelho, atual presidente da companhia, e a eleição dos membros recém-indicados pelo ministério. De acordo com a Petrobras, Coelho só pode ser destituído caso os membros do Conselho de Administração eleitos junto com ele em abril, forem substituídos.

Os indicados pelo Ministério de Minas e Energia são os seguintes:

  • Caio Mario Paes de Andrade (indicado para presidir a Petrobras);
  • Gileno Gurjão Barreto (indicado para presidir o Conselho de Administração);
  • Ricardo Soriano de Alencar;
  • Edison Antonio Costa Britto Garcia;
  • Jonathas Assunção Salvador Nery de Castro;
  • Ieda Aparecida de Moura Gagni;
  • José João Abdala Filho;
  • Marcelo Gasparino da Silva;
  • Ruy Flaks Schneider;
  • Márcio Andrade Weber.
Fonte: Agência Brasil
Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar