Mototaxista vítima de atentado a tiros no centro de Ourilândia do Norte está se recuperando bem da cirgurgia

Imagens de câmeras de segurança registraram o momento do ataque e algumas características do atirador
Marques, o "Grande", vítima de um atentado na tarde desta segunda-feira, dia 3 (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

Após ser vítima de um atentado a tiros em Ourilândia do Norte, Marques da Conceição Pereira está se recuperando bem da cirurgia à qual foi submetido em Redenção. Ele é mais conhecido como “Grande” e trabalhou por muito tempo como mototaxista. Atualmente vinha trabalhando em garimpos, como dizem conhecidos dele, porém, essa informação ainda não foi confirmada.

Em áudio, um amigo próximo diz que fez uma chamada de vídeo com Marques. Ainda é um pouco difícil entender o que ele diz, já que um dos tiros atingiu a boca e a garganta de raspão. Outro atingiu a barriga. Possivelmente, vai começar a tentar se alimentar de novo a partir desta quarta-feira (5). Porém, os procedimentos foram bem-sucedidos. Ele segue com segurança reforçada e a investigação pela Polícia Civil continua.

O cabo Neylton, do Grupamento Tático Operacional (GTO) da PM, disse que logo após o crime, viaturas já começaram as diligências para identificar suspeitos. A Polícia Civil abriu um inquérito para começar a investigar quem e por que iria querer matar Marques. Imagens das câmeras de segurança de perto do local do crime foram solicitadas para a investigação e revelam o rosto e roupas do atirador.

VEJA NO INSTAGRAM DO FATO REGIONAL O VÍDEO DO MOMENTO DO ATAQUE

 

Relembre o caso

O ataque contra “Grande” ocorreu nesta segunda-feira (3). Ele estava na rua Piauí, setor Novo Horizonte, centro de Ourilândia, próximo aos Correios. O atirador chegou em uma moto e fez dois disparos. Fugiu logo em seguida, sem destino identificado. Não há informações sobre placa, modelo ou cor da moto.

Populares socorreram a vítima para o hospital Santa Lúcia, de onde seria transferido para Redenção, onde poderia ser melhor atendido devido à complexidade dos ferimentos. Viaturas da Polícia Militar escoltam a vítima, para garantir a segurança dele.

 

Local onde Marques, o “Grande”, foi baleado (Foto: Fato Regional)

 

Informações que possam ajudar na identificação e localização dos suspeitos donos das armas podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181) ou ao 190 (Centro Integrado de Operações). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Em ambos os casos, não é necessário se identificar.


(Da Redação Fato Regional)

Siga o Fato Regional nas redes sociais!

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: