segunda-feira, 27 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Obras do quartel do Corpo de Bombeiros de São Félix do Xingu avançam em parceria com gestão do prefeito João Cleber

São Félix do Xingu — graças à parceria do Governo do Pará com a prefeitura — vai finalmente ter um quartel do Corpo de Bombeiros Militar, que poderá atender a outras áreas da PA-279. O trabalho de descentralização da corporação também vai criar quartéis e grupamentos em Novo Progresso, Xinguara, Portel, Almeirim e Oriximiná
São Félix do Xingu, em breve, terá o tão sonhado grupamento do Corpo de Bombeiros Militar do Pará e poderá levar todos os serviços que a corporação presta á sociedade no âmbito da prevenção de acidentes, resposta a sinistros, salvamento e segurança pública (Foto: Pedro Guerreiro / Agência Pará)

O município de São Félix do Xingu, no sul do Pará, finalmente terá um quartel do Corpo de Bombeiros Militar (CBMPA). As obras estão em curso e avançando, num terreno doado pela prefeitura — sob a gestão “Compromisso com o Trabalho”, do prefeito João Cleber (MDB) — no setor Aeroporto. Dessa forma, outros municípios da região da PA-279 poderão ter atendimento agilizado. Essa é mais uma parceria com o Governo do Pará e o governador Helder Barbalho (MDB).

São Félix do Xingu é um dos municípios contemplados pelo Governo do Pará para receber quarteis do Corpo de Bombeiros e assim aumentar a cobertura de atuação da corporação e descentralizar o atendimento. A medida vai resolver problemas históricos pela ausência dos bombeiros em algumas cidades, que precisavam se deslocar por longas distâncias para acessar algumas áreas. Ainda no sul do Pará, há obras em Xinguara. Outras cidades contempladas são Novo Progresso, Portel, Almeirim e Oriximiná.

“Nessa constante e sempre frutífera parceria com o Governo do Pará e o governador Helder Barbalho, um antigo sonho do nosso município está sendo realizado, que é termos um quartel do Corpo de Bombeiro. Isso é muito importante devido às dimensões de São Félix do Xingu e que finalmente vai contar com a corporação aqui para nos atender e dar mais segurança. A prefeitura doou o terreno e agora as obras seguem. Em breve, mais essa conquista será entregue à população, como tantas outras como a Usina da Paz, a ponte sobre o rio Fresco e tantos outros ganhos que fazem da nossa cidade uma das que mais cresce no sul do Pará, com o apoio do governo e a atuação da gestão Compromisso com o Trabalho. Meu muito obrigado ao governador e ao povo xinguense”, declarou o prefeito João Cleber

De 2019 a 2023, 10 grupamentos receberam obras no Pará, nos municípios de Itaituba, Santarém, São Miguel do Guamá, Castanhal, Vigia, Marabá, Capanema, Santa Izabel, Breves, Salinópolis e Altamira. Os investimentos, como informa o CBMPA, incluem também aquisição de novos equipamentos, novas tecnologias, viaturas, concurso público, promoções de servidores e treinamento.

O grupamento de Altamira recebeu obras recentes pelo Governo do Pará e o quartel de São Félix do Xingu deve ficar no mesmo padrão (Foto: Bruno Cecim / Agência Pará)

Entre as futuras instalações, que, atualmente, estão em fase de levantamento, projeto e licitação, estão as construções de um posto avançado no município de Salinópolis; uma quadra poliesportiva do 4º Grupamento Militar de Bombeiros em Santarém; uma quadra poliesportiva e manutenção do prédio do 5º Grupamento em Marabá; além da reconstrução do 29º Grupamento em Moju. Os prédios dos grupamentos militares de Tailândia, Itaituba, Abaetetuba e Cametá também vão receber obras do Estado.

“A construção das novas estruturas fortalece a estratégia em segurança pública e defesa social da atual gestão, ampliando também, a capacidade do Corpo de Bombeiros em sua atuação nos municípios paraenses, com os serviços de salvamento, combate a incêndio, na área de prevenção, de vistoria, de fiscalização, para que os imóveis, especialmente aquelas estruturas de grande concentração de público, estejam dentro do critério de segurança contra incêndio e emergência. É um crescimento sem precedentes nesses mais de cinco anos”, celebra o comandante-geral do CBMPA, coronel Jayme Benjó, que atua na corporação há 30 anos.

(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional, com informações da Agência Pará)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!