Pará mantém liderança da região Norte na geração de empregos formais

Foto : Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

Uma pesquisa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese/PA), apontou que o estado do Pará gerou 25 mil postos de trabalho, no período de janeiro a junho de 2022. Só no mês de junho foram gerados mais de 10 mil postos de trabalho formal, mantendo o Pará como líder na região Norte na oferta de empregos. A pesquisa, divulgada nesta quinta-feira, 28, destacou que as vagas foram abertas principalmente nos setores de Serviço, Comércio, Agropecuário e Industrial.

O governador Helder Barbalho destaca que, “Sob o aspecto da geração de emprego, o Pará se consolida como a principal economia da região Norte do Brasil. Isso é o reflexo do investimento em educação, capacitação profissional, da oportunidade. É fundamental que nós possamos aprimorar a mão de obra, qualificar a nossa gente para o mercado de trabalho que está cada vez mais competitivo e exigente. Hoje nós temos ensino superior e cursos de qualificação nos 144 municípios do estado. Isso é um legado que não tem preço, porque nós vamos garantir mão-de-obra qualificada ao alcance de todos. Esse é um legado para as próximas gerações, que claro, contribui diretamente para esses números positivos na geração de emprego”.

A pesquisa do Dieese mostra ainda que nos últimos 12 meses (julho de 2021 a junho de 2022), o emprego formal no Pará também cresceu. No comparativo entre admitidos e desligados, foram realizados 421.290 admissões contra 366.448 desligamentos – um saldo positivo de 54.842 postos de trabalho.


No mesmo período, todos os setores econômicos apresentaram crescimento na geração de empregos formais, com destaque para o setor de Serviços, com a abertura de 17.650 vagas de trabalho, seguido pelo Comércio, com a geração de 16.498 postos; Construção, com 8.968 postos; Indústria, com saldo positivo de 7.333, e pela Agropecuária, que ofertou 4.393 postos de trabalho.

O estudo foi produzido pelo Projeto do Observatório do Trabalho do Estado do Pará, parceria entre o Dieese e o Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

Fonte: Seaster
Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar