Pedido de reforço da Força Nacional passou para 200 homens, diz Helder

Durante uma cerimônia realizada na segunda-feira (14), na sede do comando-geral da PM, o governador do Estado, Helder Barbalho, informou que ainda está em conversas com o Governo Federal para envio de reforço da Força Nacional. O governador destacou ainda que vem investindo em ações de enfrentamento à violência enquanto aguarda a ajuda do Ministério da Justiça e Segurança Pública, com operações realizadas já nos primeiros dias de seu mandato. Ainda segundo o governador, o efetivo que será enviado pela União passou de 500 para 200 agentes da Força Nacional.

“Há uma solicitação por parte da Secretaria Nacional de Segurança Pública para que façamos uma análise de quais as áreas específicas do Estado que precisamos da atuação do efetivo. O pedido inicial foi de 500 homens da Força Nacional, mas eles nos sinalizaram com a possibilidade inicial de 200 homens. Com essa informação, já autorizei o secretário de Segurança Pública para priorizar o envio desse efetivo para Belém e Região Metropolitana, que são as áreas com maior percentual estatístico de casos de violência e estamos no aguardo da resposta do Governo Federal”, disse Helder.


O governador justificou a diminuição do número de agentes citando a situação do Estado do Ceará, que também solicitou reforço na segurança pública para conter a onda de violência e atos de vandalismo que assolam, principalmente, a capital Fortaleza.

 

Da Redação Fato Regional, com informações de OLIBERAL.COM

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar