Perfil nas redes sociais tenta induzir crianças e adolescentes ao suicídio

Pais precisam ficar atentos para o conteúdo consumido pelos filhos na internet

Autoridades policiais têm emitido uma série de alertas sobre um personagem da internet identificado como Jonatan Galindo, ou o “Homem-Pateta”, acusando-o tentar induzir crianças e adolescentes ao suicídio.

O personagem  usa fotos que remetem ao personagem Pateta, da Disney,  que provavelmente não é uma única pessoa, usa de vários perfis para se aproximar de menores de idade no Facebook. Por meio de mensagens perturbadoras, Jonatan tentaria induzir os jovens e crianças a cometer suicídio.

A polícia apurou que o primeiro perfil Jonatan Galindo foi criado na Europa, em 2017, e que esse postava seu conteúdo em espanhol. Ainda não há perfis do tipo no Brasil, mas algumas contas do personagem já apresentam conteúdo em português.

“Este perfil faz o desafio para que o interessado envie uma mensagem privada e, em resposta, passa a enviar vídeos, textos, áudios e até a fazer ligação por vídeo ao vivo. Essas mensagens causam desconforto, medo, terror e podem até induzir ao suicídio”, explica a delegada de Polícia Civil Fernanda Lima, em um vídeo postado em sua conta no Instagram.


Diante da nova ameaça, a Polícia Civil e o Núcleo de Inteligência e Segurança Institucional do Tribunal de Justiça de Santa Catarina orientam pais e responsáveis a monitorar o conteúdo que tem sido acessado pelas crianças e observar eventuais mudanças de comportamento.

 

 

Fonte: Liberal

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
%d blogueiros gostam disto: