sábado, 20 de julho de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

PM e Bombeiros resgatam homem de torre em São Félix do Xingu

O homem estava em situação de risco e poderia sofrer um acidente grave ou fatal, mas foi resgatado em segurança e já está sendo atendido pelos serviços psicossociais da rede de saúde de São Félix do Xingu
Foi necessária uma operação multidisciplinar para resgatar o homem e encaminhá-lo para atendimento especializado (Foto: 36º BPM)

Um homem em situação de risco foi resgatado de uma torre de transmissão, em São Félix do Xingu, no sul do Pará. Ele estava com sinais de transtorno mental e poderia cair da estrutura que fica na rádio Correio FM. Com o trabalho integrado de policiais do 36º Batalhão de Polícia Militar (BPM) — sob o comando do capitão Júlio — e do Corpo de Bombeiros Militares, a vida do rapaz foi preservada e ele foi encaminhado para atendimento psicossocial.

O Centro de Valorização da Vida (CVV) oferece apoio emocional gratuito a quem está sofrendo com pensamentos suicidas, depressão, ansiedade ou pensamentos violentos. É possível conversar, de forma sigilosa, pelo telefone 188, pelo chat do site www.cvv.org.br, por e-mail… a pessoa que estiver precisando escolhe o meio que achar mais conveniente. O CVV tem atendimento 24 horas por dia.

Eram aproximadamente 11h desta quarta-feira (23) quando os militares foram acionados para a ocorrência. O aspirante a oficial Fontainha e o soldado Glauber foram à sede da rádio.  Os PMs 3º sargento Cordovil, sargento Neylton, soldado Matias e soldado F. Neto isolaram a área e garantiram a segurança enquanto o atendimento especializado era solicitado. Os policiais conversavam com o rapaz e tentavam convencê-lo, de acordo com protocolos de procedimentos operacionais padrão (POP).

A operação contou não só com policiais militares e bombeiros, mas socorristas do Samu, médicos da UPA e psicólogas do CAPS de São Félix do Xingu (Foto 36º BPM)

 

Com a chegada dos bombeiros 3º sargento Vanderson, cabo Welington e cabo Rauzier, o atendimento foi seguido de forma mais especializada. Já aguardavam pelo rapaz os socorristas Alex Costa Gomes e Maria Edna Feitosa Amaral; Sabrina Laís Lima Moreira e Dayane Guido da Costa (do CAPS de São Félix do Xingu); Erivaldo Pereira dos Anjos, médico da UPA; e o secretário municipal de saúde Rafael Antônio de Lima Souza.

Após convencer o rapaz a acompanhar os militares para longe da torre de transmissão, os militares o conduziram para atendimento especializado de saúde mental e apoio assistencial. Ele segue em acompanhamento e está em segurança. O capitão Júlio agradeceu a todos os envolvidos na operação que preservou a vida do homem e garantiu o acesso dele às políticas públicas de atendimento psicossocial. Tudo feito com calma, paciência e êxito na preservação de uma vida.

Pensamentos suicidas, sentimentos de tristeza prolongada, ansiedade, medo excessivo e reações violentas ou agressivas são sintomas de doenças da mente e que podem ser tratados. Muitas vezes, o ódio também é um sintoma. E se esse sentimento levar a pensamentos violentos ou suicidas, procure ajuda.

(Da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!