PT, PCdoB e PV formalizam a federação ‘Brasil da Esperança’

O que terá mandato de um ano será dirigido pela presidente do PT, Gleisi Hoffmann e também conta com Luciana Santos (PCdoB) e José Luís Penna (PV), que já comandam seus respectivos  partidos.
Crédito: Reprodução/Instagram @lulaoficial

Nesta segunda-feira, 18, os dirigentes do PT, do PCdoB e do PV oficializaram o estatuto de formação de uma federação entre as siglas que recebeu o nome de ‘Brasil da Esperança’.

O que terá mandato de um ano será dirigido pela presidente do PT, Gleisi Hoffmann e também conta com Luciana Santos (PCdoB) e José Luís Penna (PV), que já comandam seus respectivos  partidos.

A formação de uma federação entre as siglas já era discutida há meses e foi aprovada pelo diretório nacional do PT na última quarta-feira, 13. De acordo com o estatuto, a Assembleia Geral do grupo será composta por 60 membros, sendo 3 vagas fixas para cada partido e outras 51 distribuídas proporcionalmente ao tamanho da bancada na Câmara. Segundo comunicado do PT, o grupo deve ser composto por um mínimo de 30% de mulheres e 20% de acordo com o critério étnico-racial.


De forma distinta das coligações, as legendas federadas são obrigadas a atuar como um só partido nos próximos quatro anos, mantendo a postura programática. Logo, os partidos não podem concorrer entre si nas disputas ao Executivo e parlamentares que divergirem das orientações do colegiado podem sofrer sanções.

 

 

 

 

Com informações da IstoÉ 

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar