Queiroga prevê fim do uso obrigatório de máscara a partir de novembro

Até a última segunda-feira, 13, a média móvel de casos de covid no Brasil foi de 15.336

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, está trabalhando em estabelecer uma previsão mais exata de quando o Governo Federal poderá oficializar o fim do uso obrigatório de máscaras em lugares abertos no Brasil.

Queiroga projeta que, se os números de mortes e contaminações por covid-19 no país continuarem caindo, a possibilidade de suspensão do uso de máscaras pode ser válida a partir de novembro deste ano em lugares abertos.

Até a última segunda-feira, 13, a média móvel de casos de covid no Brasil foi de 15.336. Este o menor número desde 20 de maio de 2020, ainda no início da pandemia, quando o indice registrou 14.647 infecções.

 

 

 

 


Fonte: G1

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
%d blogueiros gostam disto: