Salles pretende conseguir R$ 5,7 bilhões dos EUA para combate ao desmatamento da Amazônia

O ministro, pela primeira vez, apresentou um plano, com meta para diminuir o desmate
Foto: Lula Marques

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, iniciou esta semana com os trabalhos para obter apoio dos europeus e americanos para combater o desmatamento da Amazônia. O ministro, pela primeira vez, apresentou um plano, com meta para diminuir o desmate.

Segundo Salles, é possível reduzir a devastação da Amazônia em até 40% no prazo de um ano – se tiver US$ 1 bilhão (aproximadamente R$ 5,7 bilhões) de países estrangeiros. Nos dois primeiros anos em que esteve à frente do cargo, as taxas de desmate são as maiores desde 2008. Só em 2020, foi 47% maior que a de 2018.


De acordo com o ministro, o plano será apresentado aos Estados Unidos durante o encontro que o presidente Joe Biden realizará com 40 líderes internacionais sobre a pauta climática. Salles garantiu que fará o possível para conseguir apoio internacional, mas não fixou meta.

 

Com informações da CNN

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: