Secretaria de Educação de Ourilândia revisa ônibus escolares e planeja retorno às aulas presenciais para o 2° semestre

Secretário José Leite e equipe trabalham a todo vapor para que os estudantes retornem às aulas de forma segura
Foto: Divulgação

A menos de um mês para o retorno às aulas escolares de forma presencial, a secretaria Municipal de Educação de Ourilândia do Norte realiza os preparativos finais para uma volta segura dos estudantes. Há duas semanas, a secretaria iniciou a revisão da frota de ônibus escolares. Ao todo são 12 veículos, conhecidos como amarelinhos, que já estão prontos e serão disponibilizados inicialmente para a comunidade escolar.

Já a outra frota de veículos, que será terceirizada, está em processo de licitação. De acordo com o secretário municipal de Educação, José Leite, caso não seja possível concluir a licitação até o início das aulas, segunda quinzena de agosto, vamos fazer uma adesão de ata, para ver se conseguimos colocar mais esta frota de ônibus à disposição dos estudantes, para que possamos iniciar as aulas.

Volta às aulas presenciais

José Leite informa que o início das aulas está previsto para a primeira semana de agosto, com uma ação chamada Formação Pedagógica. “Iremos fazer uma parceria grande com a Unifesspa (Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará), onde traremos a vice-reitora da universidade para ministrar alguns cursos. Além disso, vamos contar também com convidados renomados no Brasil e no mundo, como o professor Mota.

O secretário de Educação diz que na sequência, acontecerá o preenchimento dos diários online. Só depois destas ações é que  de fato as aulas poderão iniciar. José Leite reforça ,que  mesmo assim, será apenas com uma parte dos alunos, uma vez que os professores ainda não receberam a segunda dose da vacina contra covid-19, o que só irá acontecer em setembro.

José Leite, secretário de Educação de Ourilândia

“Porém, a partir da segunda metade de agosto, já vamos fazer uma avaliação diagnóstica para que possamos voltar com 25% das aulas presenciais. Aí em setembro, quando todos professores estiverem vacinados contra covid-19, voltaremos com 100% das aulas presenciais.


José Leite reforça , que a pasta de Educação também está organizando as escolas para que elas possam receber os alunos. “Estamos com planejamento para comprar termômetros, disponibilizar álcool em gel 70%, máscaras, e colocar lavatórios nos corredores com sabão líquido, para darmos o mínimo de higienização e sanitização possível, para que os nossos funcionários possam voltar a trabalhar. Os estudantes devem estar ansiosos. Já faz um bom tempo que eles não conhecem os espaços da escolas”.

 

 

Da redação Fato Regional 

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar
%d blogueiros gostam disto: