Trio rouba e amarra vítima em chácara de Água Azul do Norte; PM prende um dos assaltantes

A vítima não se machucou e a moto roubada foi recuperada. As buscas pelos outros dois assaltantes continuam e a Polícia conta com denúncias da comunidade para encontrar os criminosas.
As armas, celulares e outros itens apreendidos com Lucas foram apresentados à PC de Água Azul do Norte (Foto: 17º BPM)

Lucas da Silva foi preso pela Polícia Militar, na noite desta quarta-feira (5), após um assalto a uma chácara em Água Azul do Norte, no sul do Pará. O suspeito e mais duas pessoas roubaram uma moto, dinheiro, carne, celulares e amarraram a vítima. Outros dois criminosos ainda estão sendo procurados.

O trio chegou à chácara, na zona rural de Água Azul do Norte, com uma suposta proposta de venda de gado. O dono da propriedade recusou, já desconfiado da abordagem. Logo em seguida anunciaram o assalto. Com armas em punho, os assaltantes ameaçavam a vida da vítima. Exigiram um PIX e levaram uma moto. Antes de saírem, deixaram a pessoa amarrada.

Após o assalto, o trio fugiu num Gol prata (placa QER-0H97). Após tomarem conhecimento do crime, policiais militares de Água Azul do Norte, Xinguara e o Grupamento Tático Operacional (GTO) se mobilizaram para perseguir os criminosos. Os criminosos foram interceptados perto da vila Nova Canadá. Foi o momento da prisão de Lucas.

Leia mais, no Fato Regional:

Armas, munições e celulares foram apreendidos. A moto roubada foi recuperada

No carro, foram encontrados duas pistolas 9mm (uma Taurus TS9 e outra G2c), quatro carregadores, 40 munições intactas de calibre 9mm e 7 celulares. Lucas foi autuado por roubo majorado. Já nesta quinta-feira (6), ainda em diligências para capturar os outros dois assaltantes, a PM encontrou a moto roubada. Tudo foi apresentad0 na Delegacia de Polícia Civil de Água Azul do Norte.

A equipe da GU 1708 recuperou a moto roubada nesta quinta, 6 (Foto: 17º BPM)

Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Não é necessário se identificar.

A prisão de Lucas foi feita pela equipe 1714: aspirante Audry, 3º sargento Genésio, cabo Aragão e soldado Miranda. A moto foi recuperada pela equipe 1708, com o subtenente Davi, 3º sargento E. Rodrigues e o cabo Sales. O 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM), comandado pelo tenente-coronel Alan, faz parte do Comando de Policiamento Regional XIII, sob o comando do coronel Francisco.


(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional com informações da PM)

Nos siga no Facebook e no Instagram!

Compartilhar essa matéria

Veja também

fechar