sábado, 20 de julho de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

VÍDEO: CPI do 8 de Janeiro é retomada ouve Saulo Cunha, ex-diretor da Abin

O ex-chefe do GSI, Gonçalves Dias, chegou a mencionar um 'apagão' de informações e inteligência e o depoente pediu para ser ouvido em sala secreta e sob sigilo
Saulo Moura ainda era diretor da Abin quando o ataque à Praça dos Três Poderes ocorreu no dia 8 de janeiro (Foto: Câmara dos Deputados)

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito sobre a tentativa de golpe de estado, no dia 8 de janeiro deste ano, foi retomada nesta terça-feira (1º). O primeiro depoente desta nova fase será Saulo Moura da Cunha, ex-diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Ele ainda estava no cargo quando o ataque à praça dos Três Poderes ocorreu.

O ex-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Gonçalves Dias, mencionou um suposto “apagão” no fornecimento de informações e da inteligência sobre a possibilidade da tentativa de golpe. É essa acusação de possível incompetência e omissão que os deputados federais e senadores querem investigar com o depoimento. Além de entender os relatórios e informações levantadas.


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

(Da Redação do Fato Regional)