sexta-feira, 1 de março de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Indígenas Kayapó do sul do Pará validam Plano de Gestão Territorial e Ambiental em reunião com governos

A reunião ocorrida na aldeia Gorotire, em Cumaru do Norte, foi um passo importante para a formação da Política Nacional de Gestão Ambiental dos Territórios Indígenas (PNGATI) e escuta das comunidades Kayapó em busca de melhorias e bem-estar para as etnias do estado. Participaram do encontro representantes de órgãos estaduais e federais ligados ao cuidado e gestão de povos indígenas.
O encontro com a etnia Kayapó, na aldeia Gorotire, em Cumaru do Norte, foi considerado histórico para a secretaria estadual de Povos Indígenas, Puyr Tembé (Foto: Divulgação / Agência Pará)

Indígenas da etnia Kayapó, de comunidades do sul do Pará, participaram de uma histórica reunião integrada com órgãos do Governo do Estado e Governo Federal, com participação do cacique Raoni. O encontro ocorreu na aldeia Goritire, em Cumaru do Norte, ocasião em que foi validado o Plano de Gestão Territorial e Ambiental (PGTA) e o protocolo de consulta, etapa necessária para a formação da Política Nacional de Gestão Ambiental dos Territórios Indígenas (PNGATI).

O PGTA é considerado o principal instrumento de gestão da PNGATI, que visa valorizar o patrimônio material e imaterial indígena. A política visa promover estratégias, ações e projetos de interesse das comunidades originárias do Brasil. E consequentemente, busca a recuperação, conservação e uso sustentável dos recursos naturais, garantindo a melhoria da qualidade de vida e as condições de reprodução física e cultural das gerações presentes e futuras. “É uma ferramenta de benefício e de construção para o bem viver do povo Kayapó”, A coordenadora regional da Funai de Redenção e cofundadora da organização ANMIGA, O-e Kayapó.

“É um momento histórico na Aldeia Gorotire. Pensar nesse protocolo que eles estão criando e com isso a gente ter um resultado para que possamos, também, apresentar na COP30. Estamos acompanhando esse momento importante para fortalecer a luta pelo território, para fortalecer o bem viver dos povos indígenas”, comentou a secretária de estado de Povos Indígenas Puyr Tembé.

Além da presença da secretária Puyr Tembé, o encontro contou com a participação do, do prefeito de Cumaru do Norte, Célio Cordeiro, da Associação Floresta Protegida, representantes da Funai, Ministério dos Povos Indígenas, Sesai e outras entidades e lideranças indígenas da região sul do Pará. Estão previstos novos encontros entre a comunidade e autoridades para a articulação dos pontos que serão incluídos no PGTA.

(Da Redação do Fato Regional, com informações da Agência Pará)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!