sexta-feira, 24 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Ourilândia do Norte, Tucumã e mais 13 municípios do Pará completam 36 anos de emancipação em maio

A festa deste dia 10 de maio será para mais de 688 mil pessoas que representam a população dos 15 municípios que completam 36 anos de emancipação política e um momento de virada da redemocratização do Brasil
O município de Tucumã, no sul do Pará, emancipado em 10 de maio de 1988 e com população de mais de 39 mil habitantes, segundo o Censo 2022 do IBGE (Foto: Alerhandro Rafalski / Fato Regional)

O dia 10 de maio marca o aniversário de emancipação política de 15 municípios paraenses, sendo a maioria das regiões Sul e Sudeste do Pará. As leis que garantiram novas municipalidades foram assinadas em 1988, pelo então governador Hélio Gueiros. As propostas nasceram para descentralizar a administração pública e dar mais autonomia sociopolítica às áreas que foram emancipadas.

Fazem aniversário de emancipação no dia 10 de maio os seguintes municípios (e suas populações):

  1. Bom Jesus do Tocantins: 18.005
  2. Brejo Grande do Araguaia: 6.783
  3. Cachoeira do Arari: 23.981
  4. Concórdia do Pará: 26.881
  5. Curionópolis: 19.950
  6. Dom Eliseu: 58.484
  7. Garrafão do Norte: 24.703
  8. Ourilândia do Norte: 32.467
  9. Pacajá: 41.097
  10. Parauapebas: 266 424
  11. Santa Maria das Barreiras: 16.548
  12. São Geraldo do Araguaia: 24.255
  13. São João de Pirabas: 20.689
  14. Tailândia: 72.493
  15. Tucumã: 39.550

(Fonte: Censo 2022 do IBGE)

Uma das razões para tantas emancipações também foi a promulgação da Constituição Federal de 1988, que marcava o fim da ditadura militar. E como alguns dos núcleos de ocupação desses municípios foram iniciados durante o regime, ter novas administrações seria uma forma de reforçar a então recém-retomada democracia. Nesse ano, foram 16 municípios emancipados no Pará e o fenômeno se estendeu por todo o país.

Vista aérea do município de Ourilândia do Norte, no sul do Pará, emancipado em 10 de maio de 1988 e com população de mais de 32 mil habitantes, segundo o Censo 2022 do IBGE (Foto: Alerhandro Rafalski / Fato Regional)

Tucumã e Ourilândia do Norte foram desmembradas do já imenso município de São Félix do Xingu, que ocupa atualmente posição de 3º maior território municipal do Pará e 6º maior do Brasil. Juntos, representam uma parte significativa da população do Sul do Pará, ou Região de Integração do Araguaia.

Além da agropecuária, Ourilândia do Norte e Tucumã têm economia fortemente baseada na mineração, ainda que venham buscando, através das gestões atuais, desenvolver planos de turismo e estímulos à diversificação de setores econômicos.

(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!