domingo, 19 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Ponte sobre o rio Fresco, em São Félix do Xingu, recebe o nome Francisco Torres de Paula

A proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado do Pará e sancionada pelo governador Helder Barbalho. Para o prefeito João Cleber e o deputado Torrinho, filhos de Francisco Torres, a homenagem e memória são um presente inestimável para um pioneiro
A ponte sobre o rio Fresco, em São Félix do Xingu, agora se chama Francisco Torres de Paula e representa os ideais de um pioneiro (Foto: Alerhandro Rafalski / Fato Regional)

O governador Helder Barbalho (MDB) sancionou a lei estadual 10.513/2024 e agora a ponte sobre o rio Fresco, em São Félix do Xingu, no Sul do Pará, agora se chama Francisco Torres de Paula. A proposta nasceu na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) e homenageia um dos pioneiros do município, pai do prefeito João Cleber e do deputado Torrinho, que receberam a decisão com alegria.

“Recebo a notícia que encheu meu coração de alegria: a ponte sobre o rio Fresco, que liga São Félix do Xingu a Taboca, em construção pelo Governo do Pará, passa a se chamar Francisco Torres de Paula, o Chico Torres. Uma homenagem ao meu querido pai, um pioneiro, trabalhador e homem que construiu pontes dee amizade e união entre as pessoas é um sonho realizado pelo nosso governador que traz progresso e oportunidades para nossa cidade”, disse Torrinho.

“Para mim, cada novo passo dado da construção da ponte sobre o rio Fresco é motivo de alegria e de celebração. Essa obra é aguardada por todo o povo xinguense pois vai integrar a Taboca com a sede do município e beneficiar não só os moradores, como também nossos produtores rurais. Sempre agradeço ao governador Helder Barbalho por esse investimento, mas agora agradeço à Alepa e a ele pela homenagem que que é recebida por mim e por meu irmão, o deputado Torrinho, com muita alegria”, declarou o prefeito João Cleber.

A estrutura vai integrar o município a outras regiões, dará mais opções de mobilidade e facilitará o escoamento da produção agropecuária, principalmente do gado e do cacau. Com 480 metros de extensão, a ponte sobre o rio Fresco tem 11 vãos, sendo nove de 40 metros de largura e dois vãos centrais de navegação com 60 metros de largura e ainda 14 metros de altura. O projeto atende às normas de engenharias civil e naval, terá duas pistas de rolamento, faixa de pedestres e iluminação pública em LED.

As obras da ponte sobre o rio Fresco aceleram rumo à conclusão para ligar São Félix do Xingu ao distrito da Taboca (Foto: Alerhandro Rafalski / Fato Regional)

A construção da ponte beneficiará diretamente mais de 130 mil habitantes do município de São Félix do Xingu e, indiretamente, mais de 350 mil pessoas da Região do Xingu e de integração do Araguaia. O município tem o maior rebanho bovino do Brasil e forte economia agropecuária. Com o novo acesso, será possível aquecer ainda mais a economia da cidade e integrar a região, atraindo investimentos e levando a mais desenvolvimento.

(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!