sexta-feira, 24 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Açougueiro é morto com 8 tiros no setor Marechal Rondon, em Redenção

Valdemir dos Santos Silva era conhecido no setor onde morava e trabalhava em um supermercado. A Polícia Civil já tem algumas linhas de investigação sobre quem e por qual motivo iria querer o rapaz morto, mas por enquanto nenhuma hipótese está descartada
Valdemir tinha 30 anos e eram bem conhecido e querido no setor Marechal Rondon e no supermercado onde trabalhava como açougueiro (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

O açougueiro Valdemir dos Santos Silva, de 30 anos, foi morto a tiros na noite desta quinta-feira (4), em Redenção, no sul do Pará. Os suspeitos do crime chegaram à casa dele, no setor Marechal Rondon, e fizeram oito disparos contra ele. Seriam dois assassinos, que chegaram e fugiram a pé. No local, uma cápsula de munição calibre .380 foi encontrada e será periciada. O número exato de disparos que atingiram a vítima será confirmado após exames.

Há algumas linhas de investigação já sendo trabalhadas pela Polícia Civil sobre possíveis motivações para o crime. No entanto, nenhuma hipótese está descartada. Eram aproximadamente 21h30 quando os assassinos bateram à porta de Valdemir. Um dos primeiros passos, neste momento, é identificar e localizar quem atirou contra o açougueiro.

Valdemir era conhecido e bem quisto no setor Marechal Rondon. Ele trabalhava em um supermercado e costumava ser cordial e simpático com os clientes. Nas redes sociais, familiares, amigos e pessoas que o conheciam só de vista lamentaram a morte prematura dele, um jovem trabalhador que teve a vida ceifada pela onda de violência pela Redenção vem passando. Os setores Marechal Rondon e o Terminal Rodoviário têm sido palcos recorrentes de brigas e homicídios.

Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso, podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181). Se a informação for mais urgente, o ideal é ligar para o 190. A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Não é necessário se identificar.

(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional, com informações de @redencao_pa)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!