quarta-feira, 24 de abril de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

‘Babi’, suspeita de matar idoso a pauladas e pedradas em Xinguara, é morta a tiros em bar

Bárbara Emanuelle, conhecida como "Babi", foi morta a tiros pouco mais de dois meses após ser liberada da prisão onde ficou por 60 dias
Babi era suspeita de ter matado um idoso em 2022 a pedradas e pauladas. Foi presa no final do ano passado e foi liberada há cerca de dois meses, após 60 dias presa (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

Bárbara Emanuelle Meneses de Sousa, conhecida pelo apelido de “Babi”, foi morta a tiros em Xinguara, no sul do Pará. O crime ocorreu na noite de sábado (13), em um bar que fica próximo da feira coberta municipal. A morte dela tem características de execução e ocorre dois meses após ela sair da cadeia. A mulher passou cerca de 1 ano presa por suspeita de ter matado José Costa Soares, de 84 anos, em julho de 2022, com pedradas e pauladas.

Eram aproximadamente 22h30 quando Babi estava no bar e havia intensa movimentação na área. Um homem ainda não identificado se aproximou e fez vários disparos, fugindo rapidamente. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) ainda foi acionado, mas a mulher não resistiu até a chegada do socorro. A Polícia Civil esteve no local para coletar depoimentos e procurar por câmeras para localizar quem teria cometido o crime.

Não se sabe se o crime do qual Babi é suspeita tem algo a ver com o assassinato dela. Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181). Se a informação for mais urgente, o ideal é ligar para o 190. A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Não é necessário se identificar.

(Da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!