domingo, 23 de junho de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Após reunião no Sindicato Rural de Xinguara, Enric Laureano ataca Osvaldinho em entrevista a uma rádio

Mesmo com uma relação muito próxima na vida pessoal, um racha político entre Enric e Osvaldinho ficou evidente após uma reunião no Sindicato Rural de Xinguara, momento em que a pré-candidatura de Enric não recebeu apoio declarado da entidade. Em entrevista a uma rádio, o pré-candidato pelo PL fez comentários que foram vistos de forma negativa sobre Osvaldinho e Amarildo.
Enric decidiu abandonar o prometido apoio ao amigo e aliado Osvaldinho, o que causou desconforto na comunidade do agro de Xinguara (Foto: Reprodução / Facebook / Arquivo / Imagem Ilustrativa)

A pré-campanha de Enric Laureano (PL) para a prefeitura de Xinguara, no Sul do Pará, começou mal. Numa tensa reunião no Sindicato Rural de Xinguara (SRX) nesta semana, ficou evidente que o pré-candidato não tem apoio da entidade e nem da comunidade do agro no município. E o fato de ele ter abandonado a promessa de que não iria disputar as eleições para apoiar Osvaldinho Assunção (MDB), atacar aliados e fazer comentários politicamente extremistas e radicais, só tem o desgastado ainda mais.

Nos bastidores da política de Xinguara, como apurou o Fato Regional, Enric teria quebrado uma promessa feita durante reunião na casa Roque Quagliato, um dos maiores empresários do país. O atual pré-candidato do PL havia dito que iria apoiar Osvaldinho (líder nas pesquisas de intenção de voto). Porém, houve surpresa quando Enric, no SRX, bateu o pé e afirmou, de forma incisiva e taxativa, que iria sim disputar as eleições deste ano.

Na reunião desta semana, estavam o presidente do Sindicato Rural de Xinguara, Joel Lobato; João Bueno, do grupo Mafripar; o próprio Roque Quagliato. Todos são apoiadores de Osvaldinho e receberam o novo posicionamento de Enric com desconforto. A promessa agora quebrada, por sinal, colocou em cheque a credibilidade de Enric junto no meio do agro e vem tirando o sono do empresário Onício Laureano, pai dele.

Na quinta-feira (16), em entrevista ao radialista Geisiel de Paula, Enric teve outro comportamento que foi recebido de forma negativa. Ao ser questionado sobre uma a possibilidade de Amarildo ser vice de Osvaldinho, disparou: “Se um cara tira um partido de mim, como o Osvaldinho fez com o Amarildo, e o Amarildo vai com ele, algum interesse tem por trás, não sei qual é”. Nas redes sociais, Enric foi bastante criticado. “Começou mal, falando de outro”, disse um internauta. “Xandão tá só esperando essa arrogância virar prefeito”, disse outro.

A entrevista então deixou claro que Osvaldinho e Enric, aliados, amigos e apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) na região, estão rachados. Osvaldinho, além de liderar as pesquisas de intenção de voto, é o candidato do governador Helder Barbalho pelo MDB. Já Enric, que é do PL, mesmo partido do ex-presidente, tem possíveis ligações com os atos de 8 de Janeiro de 2023 em Brasília.

Outra posição que deixa Enric sob o olhar de desconfiança é que costuma ser um crítico do governador Helder Barbalho nas redes sociais. Logo, pode ter dificuldades para articular benefícios para a cidade caso venha a ser prefeito, tanto junto ao Governo do Pará quanto junto ao Governo Federal. Por sinal, na reunião do Sindicato Rural de Xinguara, afirmou que não precisaria do governo estadual ou do governo federal. A afirmação contradiz a realidade política e administrativa, como qualquer especialista em gestão pública é capaz de apontar.

Procurado pelo Fato Regional, Osvaldinho disse que “não acredita que Enric falou aquilo com má intenção. Talvez, por estar começando agora na política” e evitou alimentar quaisquer rusgas entre ele e Enric Laureano.

Enric também foi procurado pela Redação do Fato Regional e através da coordenadoria de pré-campanha enviou a seguinte nota, publicada aqui na íntegra:

“Quando o Enric resolveu colocar nome a disposição na política no município de Xinguara foi com o intuito de discutir projetos e propostas que possam vir a melhorar a vida das pessoas, do nosso município. E assim ele está fazendo na pré-campanha e irá fazer na campanha.

Quanto à pergunta realizada pelo radialista Gesiel de Paula, essa pergunta deve ser analisada dentro do contexto. Quanto ao Sr. Amarildo Paulino vir candidato de vice de outro candidato ou de prefeito, isso é uma decisão que compete exclusivamente a ele. Todavia, ele simplesmente ponderou um fato, mas a decisão é exclusiva do Amarildo.

Quanto ao Sr. Osvaldo, esse não foi aliado político na eleição passada do Enric, uma vez que esse apoiou o atual prefeito. Dr. Moacir.

Quanto ao Sindicato Rural, esse é apartidario, até porque quem vota são os associados. Sendo que cada associado exerce o seu poder de voto de forma individual, inclusive data venia o voto sendo secreto.

Por fim, seja qual for o candidato ou candidatos (a) que for disputar uma eleição com o Enric, ele vai fazer uma campanha propositiva, independente de quem seja o adversário político”.

(Da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!