terça-feira, 21 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Homem que tentou matar a esposa e filho com golpes de facão em Xinguara é preso; criança teve braço amputado

José Irandir Silva Conceição, de 25 anos, foi preso na zona rural de Xinguara, na noite desta segunda-feira (26), por tentativa de feminicídio contra a esposa e tentativa de homicídio contra o filho de 4 anos, crimes que chocaram moradores da cidade e da região sul do Pará. Em uma operação integrada das polícias Militar e Civil, ele foi capturado e está á disposição da Justiça.
José Irandir foi preso nesta segunda-feira, 26 de fevereiro, na zona rural de Xinguara (Foto: Redes Sociais)

As polícias Civil e Militar prenderam José Irandir Silva Conceição, de 25 anos, na zona rural de Xinguara, no sul do Pará. Ele estava sendo procurado por tentar matar a esposa e o filho de 4 anos com golpes de facão. Os crimes foram confessados pelo homem e o mandado de prisão preventiva foi cumprido nesta segunda-feira (26). A criança precisou ter um dos braços amputado devido aos ferimentos e passou por cirurgia para reimplante. A mulher segue internada com graves ferimentos na cabeça.

Os crimes teriam ocorrido entre domingo (25) e segunda. Gleiciane de Oliveira, a companheira de José Irandir, pediu socorro à mãe dela e disse que havia sido atacada, junto com o filho, por José Irandir. A mãe correu até a casa deles, no setor Marechal Rondon, em Xinguara, e acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) e as polícias. A PC investiga se há histórico de violência doméstica na família.

Com frieza e riqueza de detalhes, José Irandir confessou a tentativa de homicídio contra o próprio filho e a tentativa de feminicídio contra a esposa por ‘ciúmes’, crimes que chocaram Xinguara e a região sul do Pará (Foto: Redes Sociais)

Devido á violência dos golpes de facão, o braço do menino de 4 anos precisou ser removido para tentar o reimplante, procedimento já realizado no Hospital Regional de Redenção. Gleiciane apresentou fraturas no crânio e diversos outros ferimentos. Ambos estão sob cuidados médicos e os estados de saúde das vítimas não foram informados pelas instituições médicas. O crime revoltou o município de Xinguara.

À Polícia Civil, José Irandir confessou os crimes e disse que estava arrependido. Chegou a dizer que amava muito a esposa e o filho e teria cometido os crimes por ciúmes. Relatou detalhes e demonstrou certa frieza. Após passar por exames e ser interrogado, o suspeito foi autuado pelos crimes de tentativa de feminicídio e tentativa de homicídio qualificado. Ele está á disposição do Poder Judiciário.

(Da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!