sexta-feira, 1 de março de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Notas do Enem 2023 já estão disponíveis; saiba como acessar

Além dos processos seletivos e Sisu, as notas do Enem 2023 podem ser usadas para acessar programas de benefícios estudantis, como o Fies e Prouni
As notas do Enem 2023 poderão ser usadas em diversos processos seletivos específicos de universidades e na ampla concorrência pelo Sisu (Foto: Paulo Pinto / Agência Brasil)

O Ministério da Educação (MEC) divulgou nesta terça-feira (16) as notas do Enem 2023. Cada candidato poderá consultar as notas na Página do Participante, com o login único da plataforma GOV.BR Para os “treineiros” – quem só participou para teste –, as notas só devem sair em março. Ao todo, mais de 3,9 milhões de pessoas participaram da prova e poderão usar os resultados em diversos processos seletivos específicos de universidades ou acessar vagas de todo o Brasil via Sistema de Seleção Unificado (Sisu).

ACESSE AQUI A PÁGINA DO PARTICIPANTE PARA VER AS NOTAS DO ENEM 2023

Por enquanto, apenas as notas do Enem 2023 serão divulgadas. O espelho de avaliação das redações só será disponibilizado daqui a 90 dias. Por nota, o MEC ressaltou que os textos são avaliados de acordo com as cinco competências apresentadas na matriz de referência; e que a nota pode chegar a 1.000 pontos, mas que há fatores que podem resultar em nota zero, como fuga ao tema, extensão total de até sete linhas, não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa e desrespeito à seriedade do exame.

Para além dos processos seletivos específicos ou pelo Sisu, as notas do Enem 2023 são importantes para acessar iniciativas como o Programa Universidade para Todos (Prouni). Os resultados também são utilizados como critério único ou complementar dos processos seletivos, além de servirem de parâmetro para acesso a auxílios governamentais, como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

(Da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!