sexta-feira, 24 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Polícia Civil prende 3 suspeitos de matar homem a facadas em Xinguara

Kaelison dos Reis Silva, Welques Sousa Rocha e Allean Matos de Sousa foram presos horas após o homicídio a facadas registrado no começo da manhã de sexta-feira (10), no setor Novo Horizonte, em Xinguara. A arma do crime foi localizada.
Kaelison e Welques foram os primeiros capturados pela Polícia Civil (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

Três dos principais suspeitos de matar Marcos Vinícius Cruz Silva na última sexta-feira (10), em Xinguara, no Sul do Pará, foram presos. Equipes da Superintendência Regional de Polícia Civil e Delegacia de Xinguara conseguiram dar uma rápida resposta ao crime ocorrido no setor Novo Horizonte. A investigação e captura contou com relatos de testemunhas e imagens.

Márcio foi esfaqueado em uma casa logo no início da manhã de sexta-feira (10). Dois dos suspeitos, como informou a PC, estavam em uma residência no setor Marajoara II, identificados como Kaelison dos Reis Silva e Welques Sousa Rocha. O terceiro suspeito, Allean Matos de Sousa, foi localizado no setor Frei Henry. Todos foram autuados em flagrante por homicídio qualificado e estão à disposição do Poder Judiciário.

Allean foi o terceiro suspeito de matar Marcos Vinícius a ser preso e capturado no setor Frei Henry (Foto: Redes Sociais)

Inicialmente, testemunhas relataram à Polícia Militar que seriam pelo menos 4 envolvidos na morte de Marcos Vinícius. As investigações seguem, também para elucidar as motivações do homicídio. A faca usada na morte do rapaz foi encontrada perto do corpo dele.

O Fato Regional respeita o princípio da presunção de inocência e sempre abre espaço para a defesa dos mencionados em casos policiais — se os advogados ou envolvidos acharem conveniente quaisquer manifestações —, garantindo amplo direito ao contraditório.

(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!