segunda-feira, 27 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

Prefeito Dr. Júlio vai inaugurar Hospital Materno-Infantil de Ourilândia do Norte nesta sexta-feira, Dia Internacional da Mulher

Com a inauguração da maternidade que faz homenagem à finada secretária de saúde, Geiza Dantas, Dr. Júlio destaca que Ourilândia do Norte se consolida como uma referência em saúde pública no sul do Pará, combinada com o Hospital Regional da PA-279, Hospital Municipal Jadson Pesconi, Centro de Especialidades Odontológicas e todos os investimentos na rede municipal de saúde básica. A unidade traz um novo conceito de obstetrícia, neonatologia e pediatria na Região de Integração do Araguaia.
O Hospital Materno-Infantil de Ourilândia do Norte - Geiza Dantas (Foto: Fato Regional)

Hospital Materno-Infantil Geiza Dantas, em Ourilândia do Norte, será inaugurado nesta sexta-feira, 8 de março, Dia Internacional da Mulher. A solenidade deve contar com a presença de várias autoridades. Com a maternidade, o município se consolida como uma referência em saúde pública no sul do Pará, junto com o Hospital Regional da PA-279 — agora com um centro de hemodiálise e uma agência transfusional do Hemopa —, o Hospital Municipal Jadson Pesconi, Centro de Especialidades Odontológicas e unidades de saúde fortalecidas pela gestão municipal.

Para mostrar um pouco de como será o tratamento e todos os investimentos feitos pela prefeitura na maternidade, o prefeito Dr. Júlio gravou um vídeo apresentando os equipamentos que farão da instituição uma referência em obstetrícia, neonatologia e pediatria na região, com atendimentos de urgência e emergência.

Entre os equipamentos, há leitos para parto com diferentes ajustes, que permitem mais conforto e posições para a mãe realizar o parto natural. Há ainda berços aquecidos, que contam com regulação de temperatura e outros dispositivos para coleta de informações essenciais do bebê. Os berços comuns e leitos são confortáveis e ajustáveis para mãe e bebê ficarem tranquilos até que possam sair. Por fim, caso necessário, há incubadoras para cuidar de crianças prematuras.

O prefeito mostrou alguns dos equipamentos essenciais e que farão a diferença para as gestantes, parturientes, puérperas e bebês atendidos na maternidade Geiza Dantas (Foto: Ascom PMON)

Dr. Júlio ressalta que tudo foi projetado com muito carinho pela equipe de saúde da prefeitura e pela então secretária Geiza Dantas, que dá nome à maternidade e foi vítima de um trágico acidente no ano passado. O prefeito garante que o hospital materno-infantil, que ficará ao lado do hospital municipal Jadson Pesconi, vai revolucionar no cuidado de gestantes, parturientes, puérperas e bebês na região sul do Pará.

“Esse hospital materno-infantil, padrão dos mais modernos do Pará, será um ambiente de acolhimento como nunca antes tivemos em nossa cidade. E que precisávamos. Era um descaso não ter um hospital com todo o atendimento dos ‘3P’: pré-parto, parto e pós-parto. O cuidado com nossas gestantes precisa ser durante toda a gestação e após o nascimento da criança, tratando a mãe durante essa experiência e o bebê”, explicou Dr. Júlio.

O projeto arquitetônico visa ser confortável e seguro para as mães de Ourilândia do Norte. São três pisos, sendo o primeiro voltado a uma recepção com profissionais treinados para atendimento e acolhimento. Haverá cinco salas de parto humanizado, com capacidade de realizar cinco partos diariamente. No segundo piso, há 20 leitos. O terceiro será destinado à estrutura administrativa da instituição, explica o prefeito.

(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!