sexta-feira, 24 de maio de 2024

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

FALE COM FATO REGIONAL

Envie Notícias, Fotos e Sugestões

‘Tiririca’ é morto a tiros em Rio Maria; suspeito do crime é preso com 1,5 kg de drogas

Ronaldo Nunes de Oliveira foi executado em via pública e com testemunhas que deram direções à Polícia Militar. Os agentes localizaram Thiago Araújo Cavalcante Fagundes, possível suspeito do crime, e com ele encontraram 1,5 kg de maconha.
Ronaldo, conhecido como 'Tiririca', foi assassinado a tiros no setor Casas Populares. Familiares e amigos lamentavam a morte do rapaz (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

Ronaldo Nunes de Oliveira, conhecido como “Tiririca”, foi morto a tiros na noite desta segunda-feira (13), em Rio Maria,  no Sul do Pará. O crime ocorreu no setor Casas Populares e teria sido cometido por dois homens que estavam numa moto Honda Bros de cor azul. No local da execução, foram encontradas cápsulas de pistola .40. Um suspeito do homicídio foi preso em posse de 1,5 kg de drogas.

Eram quase 20h quando o crime foi cometido. As análises apontam para cinco disparos ato todo. Testemunhas conseguiram dar alguns detalhes dos suspeitos e agentes do 17º Batalhão da Polícia Militar (17º BPM) — que integra o CPR XIII, sob o comando do coronel Carmona — imediatamente deram início às buscas. As equipes chegaram a uma casa no setor Parque Liberdade, onde denúncias anônimas apontavam estar um dos suspeitos.

Ronaldo foi executado em via pública e alguns estojos de munição foram recolhidos e encaminhados para perícia (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

Na casa, Thiago Araújo Cavalcante Fagundes foi abordado. Ele estaria sozinho e autorizou a busca no imóvel e reconheceu que teria uma quantidade significativa de drogas. Além de 1,5 kg de maconha (ainda sob análise), foram apreendidas duas balanças de precisão, um celular Motorola e R$100,00. Também reconheceu que já responde por tráfico de drogas. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Rio Maria para depoimento.

Thiago foi abordado como sendo suspeito da morte de Ronaldo ‘Tiririca’, mas foi preso em flagrante por tráfico de drogas (Foto: 17º BPM)

Thiago foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e a Polícia Civil segue as investigações para comprovar se ele realmente é um suspeito do homicídio. O Fato Regional respeita o princípio da presunção de inocência e sempre abre espaço para a defesa dos mencionados em casos policiais — se os advogados ou envolvidos acharem conveniente quaisquer manifestações —, garantindo amplo direito ao contraditório.

As drogas apreendidas com Thiago, que já respondia a processo por tráfico (Foto: 17º BPM)

Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso, podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181). Se a informação for mais urgente, o ideal é ligar para o 190. A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Não é necessário se identificar.

Nas redes sociais, familiares e amigos de Ronaldo lamentavam a morte do rapaz. Informalmente, fontes da Polícia Militar e da Polícia Civil apontam que, possivelmente, a morte dele está ligada às constantes disputas de território entre facções criminosas. As motivações concretas do crime seguem em investigação.

(Victor Furtado, da Redação do Fato Regional)


LEIA MAIS, NO FATO REGIONAL:

Siga o Fato Regional no Facebook e no Instagram!